domingo, 12 de fevereiro de 2012

Casa nova

No passado Domingo mudei-me para a minha nova casa. Uma vez mais, fui muito bem recebida. Todas as pessoas jorram boa-disposição e vontade de ajudar a integrar-me, em todos os sentidos! :) Parece-me que estou muito bem entregue, e sinto que começo realmente a criar as primeiras raízes neste novo país, nesta nova cidade.
Ah, e ontem confirmou-se a multicultura desta casa: durante o jantar falou-se espanhol, português, inglês e francês (e éramos apenas quatro pessoas!).

Não posso deixar de partilhar uma descoberta que fiz no supermercado aqui da esquina: creme para barrar feito a partir de Speculoos. Após adquirir esta maravilha, descobri que é um produto tipicamente belga.
Quem conhece as bolachas Speculoos pode adivinhar as delícias que tal creme proporciona. Para quem não conhece, faço uma breve descrição destas bolachinhas: são doces e crocantes. Provei-as pela primeira vez no Porto, num café cujo nome não me recordo, quando um exemplar desta iguaria acompanhou o chá que pedi (bendito chá!). As Speculoos levam manteiga, açúcar mascavado, farinha, levedura, noz moscada, cravinho, gengibre, cardomomo e pimenta branca. E são simplesmente maravilhosas :)
Desta forma, podem compreender que descobrir este creme para barrar definiu o conteúdo dos meus próximos pequenos-almoços e lanches. Pelo menos enquanto não enjoo (o que, de facto, não sei se algum dia acontecerá).

No que toca aos assuntos relacionados com a Terapia da Fala, finalmente obtive uma resposta esclarecedora relativamente à equivalência de diploma, pelo que já comecei a movimentar papéis, diplomas, títulos e afins. Brevemente farei uma descrição detalhada dos passos necessários, pois acredito que este é o tipo de informação que é realmente útil partilhar.
Além disso, ontem fiz um amigo português que está há 11 anos em Bruxelas. Explicou-me todos os pormenores inerentes à segurança social face ao trabalhador independente. Eu já tinha feito várias tentativas para abordar estes assuntos com pessoas conhecidas em situação de trabalho similar à minha, mas a limitação da língua (francês/inglês) condicionou a compreensão do conteúdo integral da mensagem. Mas agora sim, estou totalmente esclarecida, portanto ainda esta semana oficializar-me-ei como trabalhadora belga! Posteriormente, farei também uma abordagem mais aprofundada deste assunto.

Apesar de as temperaturas começarem a subir devagarinho, deixo uma imagem da "lareira" da sala da minha nova casa, é realmente um mimo quentinho :)
Até breve! *

2 comentários:

  1. Fiquei com vontade de experimentar Speculoos :)

    ResponderExcluir
  2. Quando for a Portugal levo para ti um frasco, não te preocupes! :)

    ResponderExcluir